Indústria de telecomunicações
pode fazer a diferença ao valorizar
as mulheres em posições de liderança

11/06/2019

Uma das sessões temáticas mais concorridas do Painel Telebrasil 2019 foi a 'Mulheres em TICs', realizada no dia 21 de maio, que reuniu Miriam Winner, do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Maria Teresa Azevedo Lima, da Claro Brasil, Elisa Prado, da Telefônica, Suzana Santos, da Oi e Auana Mattar, da TIM Brasil, com a mediação feita pela vice-presidente de Comunicações e Relações Institucionais da Ericsson, Geórgia Sbrana.

Em entrevista à Newsletter da Telebrasil, Geórgia Sbrana contou que já é possível identificar certo crescimento da participação feminina no mercado brasileiro, tanto na formação em áreas como engenharia quanto em posições de liderança no universo corporativo. Porém, como ressaltou a executiva, isso ainda é raro e envolve muito trabalho, não apenas para formar, mas também para manter e incentivar as mulheres a buscarem postos mais altos.

“Não se trata de um ponto único. É atrair, reter e crescer nas organizações. Se não tivermos mulheres preparadas para assumir posições, não conseguiremos evoluir. Há exemplos de 25% de mulheres em engenharia, ou 40% de mulheres em posições de liderança, mas isso é raro”, disse Geórgia. “A discussão é como atuar desde a escola até a universidade para termos mais mulheres no setor. E como fazer recrutamento, mentoria. Há pouquíssimas mulheres em posições de liderança em conselhos. Hoje, no Brasil, mais da metade das empresas não tem nenhuma mulher em conselhos. É muito pouco”, avaliou.

No debate, foram firmados alguns compromissos relevantes, entre eles, realizar um encontro trimestral para ampliar e reverberar a discussão. Assistam à entrevista com a vice-presidente de Comunicações e Relações Institucionais da Ericsson, Geórgia Sbrana.

Acompanhe as notícias do setor na AGÊNCIA TELEBRASIL

Painel Telebrasil aponta caminhos para um novo ciclo de investimentos


Duas décadas de sucesso impõem discussões para definir os rumos do futuro do País e o Painel Telebrasil, segundo o presidente da Associação Brasileira de Telecomunicações, Luiz Alexandre Garcia, é o marco para avançar nos debates sobre legislação, regulação e tecnologias que possibilitem a transformação digital. Leia mais

Aprovação do PLC 79/16 é essencial para políticas públicas de inclusão digital


Para o conselheiro da Anatel Aníbal Diniz, ao produzir o Plano Estrutural de Redes de Telecomunicações, a agência constrói uma ferramenta para orientar as ações do governo e do mercado daqui para frente. Leia mais

LCA Consultores: Brasil Digital requer dar prioridade às telecomunicações


“Uma agenda digital pode nos permitir ganhar, em cinco anos, 31 posições que perdemos nos últimos cinco”, afirma a sócia da LCA Consultores, Cláudia Viegas. Leia mais


Copyright © 2017-2019 Telebrasil - Associação Brasileira de Telecomunicações ... Todos os direitos reservados

Produção e edição:Editora Convergência Digital