Anatel diz que regulamentação não será
entrave para Internet das Coisas

11/06/2019

Em que pesem iniciativas que começam a ofertar serviços associados à Internet das Coisas (IoT), há bastante trabalho a ser feito para garantir um ambiente favorável a essa tecnologia no Brasil. Segundo o superintendente de Planejamento e Regulamentação da Anatel, Nilo Pasquali, o primeiro esforço é assegurar que as regras não dificultem o desenvolvimento da IoT no País.

“Estamos fazendo esse debate já há dois anos, e o objetivo é simplificar o que tem hoje na regulamentação para fomentar esse mercado e garantir que ele vai existir no Brasil com toda sua potencialidade. Temos que garantir que a regulamentação não será empecilho”, afirmou Pasquali.

Em entrevista à Newsletter da Telebrasil, o superintendente da Anatel disse que ainda este ano vão avançar ajustes regulatórios que endereçam algumas das questões. “No segundo semestre, há a previsão de se colocar em consulta pública a revisão da regulamentação para simplificar aspectos de qualidade, de numeração, e esclarecer como as outorgas funcionam no ambiente de IoT”, adiantou.

Pasquali reconhece que é preciso dar um tratamento tributário, ainda que o tema não seja de competência do órgão regulador. “As discussões tributárias não envolvem apenas a agência, mas apontamos necessidades de alterações nessas questões que dificultam o mercado, e isso exige que o parlamento esteja engajado também.”

Há razões para algum otimismo, uma vez que a eliminação do Fistel para dispositivos de Internet das Coisas dá sinais de avançar no Congresso. “Temos a necessidade de zerar as taxas pelo menos para dispositivos IoT”, sentenciou. Assistam à entrevista com o superintendente de Planejamento e Regulamentação da Anatel, Nilo Pasquali.

Fistel - Fundo de Fiscalização das Telecomunicações

Acompanhe as notícias do setor na AGÊNCIA TELEBRASIL

Painel Telebrasil aponta caminhos para um novo ciclo de investimentos


Duas décadas de sucesso impõem discussões para definir os rumos do futuro do País e o Painel Telebrasil, segundo o presidente da Associação Brasileira de Telecomunicações, Luiz Alexandre Garcia, é o marco para avançar nos debates sobre legislação, regulação e tecnologias que possibilitem a transformação digital. Leia mais

Aprovação do PLC 79/16 é essencial para políticas públicas de inclusão digital


Para o conselheiro da Anatel Aníbal Diniz, ao produzir o Plano Estrutural de Redes de Telecomunicações, a agência constrói uma ferramenta para orientar as ações do governo e do mercado daqui para frente. Leia mais

LCA Consultores: Brasil Digital requer dar prioridade às telecomunicações


“Uma agenda digital pode nos permitir ganhar, em cinco anos, 31 posições que perdemos nos últimos cinco”, afirma a sócia da LCA Consultores, Cláudia Viegas. Leia mais


Copyright © 2017-2019 Telebrasil - Associação Brasileira de Telecomunicações ... Todos os direitos reservados

Produção e edição:Editora Convergência Digital