Mais que ajustar, governo deve discutir
a necessidade de fundos setoriais

05/04/2019

O setor de telecomunicações já recolheu mais de R$ 90 bilhões para os fundos setoriais, mas viu muito pouco desse montante ser usado em sua destinação principal. Nas contas do setor, menos de 7% de todo esse recurso foi aplicado. Não por acaso, a própria manutenção de fundos setoriais, entre eles o Fust e o Fistel, tem sido questionada pelo Ministério da Economia.

"Há um desvirtuamento geral do propósito de alguns fundos. É fundamental pararmos e pensarmos novamente no que está acontecendo, se tem retorno. Passa por uma avaliação de políticas, de melhoria regulatória. Será que de fato gera o benefício a que se propõem?", pontuou à Newsletter da Telebrasil o secretário de Advocacia da Concorrência e Competitividade do Ministério da Economia, César Costa Alves de Mattos.

Para o secretário, é preciso entender se os fundos estão melhorando o ambiente de negócios. "A pergunta a se fazer é se o fundo está alcançando o seu objetivo. O default não pode ser perguntar por que não ter o mecanismo. Mas perguntar por que ter o mecanismo, ou seja, inverter o ônus da prova", insistiu Mattos. Assistam à entrevista do secretário de Advocacia da Concorrência e Competitividade do Ministério da Economia.

Fust - Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações
Fistel - Fundo de Fiscalização das Telecomunicações

Acompanhe as notícias do setor na AGÊNCIA TELEBRASIL

Para a KPMG, governo sinaliza disposição para rever papel dos fundos setoriais


Segundo o sócio da prática de Tecnologia, Mídia e Telecom da consultoria, Dustin Pozzetti, governo tem expressado maior clareza pelo uso dos recursos. “Expectativa é que o passado não se repita”, diz. Leia mais

5G é o tema prioritário para a Comissão de Ciência e Tecnologia da Câmara


O novo presidente da Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara, deputado Félix Mendonça Jr., sustenta que o 5G extrapola o setor de telecomunicações e que o País precisa decidir qual 5G quer ter para viabilizar as novas aplicações. Leia mais


Copyright © 2017-2019 Telebrasil - Associação Brasileira de Telecomunicações ... Todos os direitos reservados

Produção e edição:Editora Convergência Digital