Transformação digital estabelece um novo vínculo entre clientes e prestadoras

06/02/2018

A jornada para a transformação digital é complexa e vai provocar mudanças profundas nas organizações. No mundo das telecomunicações, um dos seus principais impactos é estabelecer o relacionamento com o cliente como um valor estratégico. Esse modelo implica agilidade por parte das prestadoras de serviços de telecomunicações na criação de produtos e serviços aderentes à sociedade hiperconectada.

Um dos pilares fundamentais para a jornada digital, conforme explica Eduardo Tude, presidente da consultoria Teleco, é a transformação das redes, o que abrange virtualização das funções de rede (NFV, na sigla em inglês), redes definidas por software (SDN, do inglês software-defined networking), a orquestração e a inteligência artificial.

“Até hoje, as redes tinham foco nas conexões de voz ou dados. Há uma grande dificuldade, porque, toda vez que há uma aplicação nova, é preciso fazer alteração. Isto muda com o 5G, que traz uma arquitetura voltada para o cliente, com interface adaptada para o serviço à rede, o que acaba propiciando o surgimento de novos serviços e aplicações de forma mais rápida”, diz Tude.

A transformação digital passa também pela mudança cultural, inclusive de perfil de profissionais, que precisam entender o novo modelo de atuação das suas corporações. No Brasil, segundo Eduardo Tude, há iniciativas importantes sendo conduzidas, principalmente as voltadas para o contato digital com o cliente, como os aplicativos de relacionamento. Uma pesquisa do Google comprova o sucesso da iniciativa. De acordo com o relatório, as buscas pelo relacionamento digital entre as prestadoras de serviços e seus consumidores dobraram em relação a 2016.

Em números, de acordo com a consultoria IDC, os investimentos na transformação digital das empresas na América Latina deverão consumir US$ 57 bilhões até 2020, representando 40% das despesas com tecnologia da informação.

Veja mais matérias da Newsletter da Telebrasil

Anatel quer remover 'entulho regulatório' para tratar de inovação


Em entrevista exclusiva à Newsletter da Telebrasil, o presidente do órgão regulador, Juarez Quadros, diz que, em 2018, temas como segurança cibernética, segurança de redes e inteligência artificial vão entrar nos debates da agência. Também informa que haverá leilão de espectro para o serviço móvel pessoal. Leia mais


Copyright © 2017-2018 Telebrasil - Associação Brasileira de Telecomunicações ... Todos os direitos reservados

Produção e edição:Editora Convergência Digital