Sucesso total no Painel TELEBRASIL 2004, em Comandatuba

Com o tema "Convergência: Perspectivas e Realidade", o Painel TELEBRASIL 2004 ocorreu com grande êxito entre os dias primeiro e 4 de julho no exuberante cenário natural da Ilha de Comandatuba, no sul da Bahia. Cerca de 250 participantes, entre executivos, consultores e autoridades, prestigiaram a 48ª edição do tradicional evento, realizado pela TELEBRASIL – Associação Brasileira de Telecomunicações desde 1974.


Na abertura solene do Painel, na noite de primeiro de julho, o ministro da Cultura, Gilberto Gil, defendeu a convergência nas telecomunicações como elemento que reforça a onipresença cultural que já existe no Brasil através das artes, da música, da literatura e do cinema e do tropicalismo. "A TELEBRASIL é uma comunidade de interesses convergentes englobando ciência, tecnologia e cultura que traz benefícios ao País”, complementou Gil, destacando a importância da entidade.

"A convergência entre tecnologia da informação e comunicação resultará, em breve, em um novo formato para as atividades econômicas e sociais do País", previu o ministro das Comunicações, Eunício Oliveira, em mensagem transmitida pelo secretário nacional de Telecomunicações do Minicom, Mauro Oliveira. Na opinião do secretário, o tema do Painel suscita "especulações que vão desde da qualidade de serviço do tipo best connected até o sonho da televisão digital”.

Já para o conselheiro da Anatel, José Leite Pereira Filho, a convergência influencia a produção de equipamentos, a prestação do serviço e o arcabouço regulatório. "A flexibilidade ao admitir novas tecnologias e a estabilidade propiciada aos investidores são duas características que, apesar de antagônicas, precisam ser observadas pelo órgão regulador", avaliou Leite.

O Legislativo Federal esteve presente, durante a cerimônia de abertura do Painel, através dos deputados federais: Gilberto Kassab (PFL-SP) e Walter Pinheiro (PT-SP). Também compareceu à solenidade o vice-secretário geral da União Internacional de Telecomunicações, Roberto Blois, entre outras autoridades e personalidades. Na ocasião, a TELEBRASIL esteve representada por seu presidente, Luiz Alberto Garcia (Grupo Algar), e pelos diretores estatutários Aluízio Byrro (Siemens), Luiz Francisco Perrone (Hispamar) e Silvio Genesini (Accenture), além de conselheiros e representantes de dezenas de associados presentes.

Palestras, debates e cases

Palestras enfocando a convergência sob os pontos de vista regulatório, de serviços e de negócios dominaram a manhã da sexta-feira (2 de julho), com exposições do consultor Steven Shepard (Shepard Communications), Roberto Blois (UIT), José Leite Pereira (Anatel), Daniel-Rui Felício (Siemens) e Rick Brovedani (Alcatel). "A Agência Regulatória Convergente" foi tema para uma sessão de debates, enquanto as possibilidades trazidas pelo Cinema Digital foram enfocadas por José Eduardo Ferrão (Rain Networks). Fechando a manhã, o vice-reitor da Estácio de Sá, Cleofas Uchôa, deu toques de reflexão e humor com sua apresentação "Convergência para quê? Uma afirmação só é verdadeira se sua antítese também for".

Os aspectos corporativos e organizacionais da convergência tiveram espaço na manhã de sábado (3 de julho), com palestras de Jesper Rhode Andersen (Ericsson), Rance Hesketh (Vésper), Jedey Miranda (GM) e Luiza Koshino (Serpro). Também tiveram destaque os cases de convergência das operadoras, apresentados por Ricardo Sacramento (Brasil Telecom GSM), Alberto Blanco (Oi), André Mastrobuono (Vivo) e Rodrigo Dienstmann (GVT). Já o Projeto Experimental SCD – Serviço de Comunicação Digital – foi exposto por Edmundo Matarazzo (Anatel), Luis Fernando Baptistela (Conectbus) e Áureo Monteiro Jr. (Positivo Informática). Complementaram o programa temático de sábado duas sessões de debates: uma sobre negócios e serviços e a outra a respeito dos impactos sociais da convergência.

Painel Feminino, olimpíadas e confraternização

Paralelamente ao Painel TELEBRASIL 2004, foi realizado o 10.º Painel Feminino Telebrasil, com variada programação dedicada exclusivamente às mulheres. As palestras ficaram por conta de Lucília Diniz, Dulce Magalhães, Paola Mansur, Isabella Fiorentino, Martha Salles e Paula Mott. O esporte também teve vez no evento, com a realização, durante duas tardes, das "Olimpíadas Telebrasil", aproveitando a infra-estrutura esportiva do Hotel Transamérica Comandatuba. Jantares temáticos, sorteios e shows completavam o clima de confraternização geral, característica sempre presente nos Painéis Telebrasil.

Balanço

O presidente da TELEBRASIL, Luiz Alberto Garcia, destacou os 30 anos completados pela entidade, que conta, em sua diretoria, com elementos representativos das áreas de operação, indústria, teleinformática, instalação e manutenção, além de consultores e investidores. Já o diretor Silvio Genesini enfatizou que a TELEBRASIL, "ao representar os múltiplos interesses do setor, reflete a convergência que bate à nossa porta e quer aglutinar teses agregadoras de novos ciclos de crescimento". 


Segundo Álvaro Marques, coordenador do programa técnico do Painel, o debate nos vários cenários da convergência foi em muito ampliado e enriquecido com a participação do Ministério da Cultura e da Secretaria do Audiovisual, que trouxeram para a mesa o principal elemento da nova era da Comunicaçã o conteúdo. "Pudemos presenciar a primeira iniciativa, por parte do ministro Gilberto Gil, da necessária e importante aproximação da Anatel e da futura Ancinav, a nova Agência Nacional do Cinema e do Audiovisual, a ser criada em breve”, assinalou Álvaro.     

De acordo com a organização do Painel TELEBRASIL 2004, o investimento em infra-estrutura este ano representou um aumento de 150% em relação ao ano passado. "Nosso objetivo foi atingir um público-alvo direcionado e seleto, porém especialistas e líderes no setor de telecomunicações. Com isso, conseguimos superar as expectativas tanto da parte organizacional como dos participantes”, afirmou Simone Saccoman, diretora da SCAE Eventos.

Os patrocinadores do Painel TELEBRASIL 2004 foram: Cisco Systems, Ericsson, Motorola, Siemens, CTBC, Accenture, Lucent, Huawei, Promon, Andrew, Iqara Telecom, GVT, Alcatel, Telemar e Vivo. Banco do Brasil e Correios também patrocinam o Painel, que contou ainda com apoio oficial do Ministério das Comunicações e da Anatel.

Novos convênios

Ampliando a rede de benefícios às suas associadas, a TELEBRASIL firmou convênio com a Atlântica Hotéis International, para, a partir de julho, concessão de descontos aos funcionários das empresas que integram o quadro associativo da TELEBRASIL, categoria contribuinte. Além disso, Associação Brasileira de Telecomunicações também fechou acordo com a Universidade Estácio de Sá – Unesa –, concedendo descontos aos funcionários ativos (e seus dependentes) das empresas associadas, na categoria contribuinte, localizadas ou com filiais no Estado do Rio de Janeiro.

Para saber maiores detalhes sobre estes convênios, veja em www.telebrasil.org.br, clicando em Benefícios aos Associados. Já para  obtenção de detalhes sobre cada curso, acessar o site da Unesa (www.estacio.br). (LAP)

cadastre sua empresa

Associados

Fique Informado!

Cadastre-se para receber nossas novidades.

Recomende aos amigos!

logo-telebrasil 11

  

TELEBRASIL


foto-localizacao-telebrasil 

Razão Social: TELEBRASIL - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE TELECOMUNICAÇÕES
Tel.: +55 (21) 2244-9494
Fax:+55 (21) 2542-4092
CNPJ/MF: 42.355.537/0001-14
Inscrição Municipal: 01.062.450

E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.